Exame de Duo – Filho(a) e Suposto Pai

Este é o exame de paternidade realizado sem a participação da mãe, utilizando somente amostras biológicas de duas pessoas, ou seja, amostras do(a) filho(a) e do suposto pai. Este exame tem se tornado bastante frequente para dirimir qualquer dúvida existente a respeito da paternidade de crianças já registradas.

Estes exames são comumente denominados de exames de duo e apresentam o mesmo nível de confiabilidade alcançado em exames tradicionais que contam com a participação da mãe.

Dois aspectos importantes devem ser ressaltados em relação a exame de duo:

• Quando a criança é menor de idade e a mãe não participa do exame, é necessário que o suposto pai tenha registrado a criança na certidão de nascimento para que o exame seja realizado. Caso o suposto pai não tenha registrado a criança, é necessário que a mãe tenha autorizado por escrito a participação da criança no exame.

• O exame de paternidade realizado sem a participação da mãe é tecnicamente mais complexo uma vez que não se tem acesso à informação de contribuição genética materna. Para atingir a mesma precisão e confiabilidade de um exame convencional de trio, o laboratório deve utilizar um número maior de marcadores genéticos no DNA. Para exames de paternidade em duos a Heréditas utiliza em rotina entre 20 e 25 marcadores genéticos, podendo chegar a mais de 30 em casos mais complexos.

Da mesma forma que em exames de trios, todo exame de duo passa por contraprova laboratorial de rotina e atinge uma precisão maior do que 99,9999% em casos de inclusão de paternidade e 100% no caso de exclusão de paternidade. O resultado é entregue em 5 dias úteis.